Ciência & Saúde, Geral

A Dengue no Rio de Janeiro tem solução?

Ir para o Rio de Janeiro é uma tarefa para pessoas corajosas. Não bastasse os problemas de violência que assolam a cidade e corroem sua belíssima imagem construída ao longo dos anos, o Rio tem mais uma chaga: a Dengue, transmitida por um reles mosquito e que já afetou 35 mil pessoas só na capital, causando a morte de 67 delas. Mas por quê não conseguimos acabar com o transmissor?

Simples: os brasileiros não sabem se comprometer com algo que não seja banal. Da mesma forma que continuam jogando sofás nos arroios, óleo de cozinha nas pias e dando de ombros para a destruição da Amazônia, não há motivos para se preocupar se existe um pote ou recipiente com água parada no seu pátio. Em contra-partida, as transmissões do Big Brother Brasil eram mais que a soma do share de todas das outras emissoras.

Claro, há ainda a participação do governo no caso. Mas de que adianta mandar milhares de agentes para fiscalizarem as casas se a própria população não permite ou dificulta o acesso para estes avaliarem as situações? De comunidades dominadas pelo tráfico que tocam o terror até donas de casa que deixam o cachorro solto, são alguns dos problemas que encontram estes verdadeiros guerreiros da saúde.

Não importa se o governo foi incompetente, isso não justifica nossa inércia. Então façamos nossa parte pois mesmo que não seja garantia de que estaremos livres do maldito mosquito pelo menos faremos o possível. O que não é aceitável é a omissão.

E sim, é possível que tenhamos focos de dengue em nossos pátios por mais bem cuidados que possam aparentar ser. Mesmo que não hajam, não nos custa nada vistoriar. A consciência tranqüila de saber que a nossa presença na sociedade não é um estorvo já é algo importante. Ao invés de me furtar de receber a visita da vigilância sanitária é muito melhor deixar o local em condições e receber orientação caso alguma coisa esteja errada.

A Dengue é coisa séria e mata. E não pensem que é só o Rio de Janeiro o amaldiçoado pela praga. Que o surto no Rio sirva de alerta para todos os outros Estados da Federação.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Estatísticas do blog

  • 4.688.109 visitas
%d blogueiros gostam disto: