Anúncios
Esportes

Estádio Olímpico de Berlim: a história mutilada pela UEFA

Neste momento em que as estruturas de poder do futebol mundial estão sob forte suspeita e postas em causa, é interessante observar como, em detalhes aparentemente pouco significativos, esta estrutura de poder age de forma deletéria e contrária aos desenvolvimento do futebol e do próprio respeito pela memória histórica do esporte.

Quem quer uma mostra disto pode olhar as fotos que selecionamos sobre o estádio Olímpico de Berlim, retiradas do perfil do youtube do jornalista Mauro Cezar Pereira e do site Futbol Loco. Ali podemos ver claramente que o local onde ficou a pira dos Jogos Olímpicos de 1936, disputados na cidade, além dos registros das marcas obtidas pelos atletas, foi coberto pela estrutura da imprensa para a final marcada para este sábado , entre Juventus e Barcelona. Aquela parte do estádio tem, ainda, outro componente histórico de grande importância: foi ali que Hitler recebeu todos os atletas premiados naquela olimpíadas. Todos menos um: o corredor negro Jesse Owens. Acredito que os alemães fizeram questão, nesses anos todos, de manter o local intacto tanto para registrar os nomes dos vencedores da Olimpíada como para manter viva  a lembrança de um passado terrível, a fim de que ele não se repetisse nunca mais.

O local foi preparado por exigência da UEFA para acomodar os jornalistas, em total desconsideração pela história do local – para não falar, é claro, do aspecto estético, pois as instalações ficaram muito feias.

Esse tipo de atitude não está desconectada do agir comum das entidades que coordenam o futebol no mundo todo. Pouco importa a tradição dos estádios, a paixão da torcida, a identidade dos clubes – enfim, tudo o que faz do futebol algo apaixonante. Importa apenas a satisfação das necessidades práticas de momento, da maneira mais eficiente possível, sem atentar para mais nada. É o famoso “padrão isso” ou o “padrão aquilo”, que tem tirado e muito a graça do futebol como o conhecemos.

Vê-se aqui uma postura geral de desrespeito, expressa tanto no uso indevido do dinheiro das federações quanto no trato com a história do palco da decisão de um torneio como a Champions League. Sem essa mudança de postura prévia, não há que se falar em mudanças estruturais profundas no futebol: tudo permanecerá como sempre foi.

estadio berlim

Quadro dos vencedores da Olimpíada de 1936

estadio2

Onde ficava a Pira Olímpica

imagem

Local transformado em estúdio de televisão

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios

Apoio

INSTAGRAM DA ARTISTA YASSMINE PITOL

💙 Um processo (MUITO) demorado #oilpaint #art #arts #draw Antes e depois de pintar. #watercolor #art 💙💙💙 #cats O nome é Yassmine, o sobrenome é...

Mais recentes

Estatísticas do blog

  • 2,288,163 visitas
%d blogueiros gostam disto: