Anúncios
Política

Um mar de memória

Esta é a chamada de capa que o jornal argentino “Página 12” traz neste sábado:

24 de março é um dia especial na Argentina – embora não o seja por razões positivas.

Explicamos: em 24 de março de 1976, um golpe de Estado depôs a presidente Isabelita Perón e deu início a uma das mais sangrentas ditaduras militares da América Latina, responsável pela morte de mais de 30 mil pessoas em apenas sete anos de governo.

A data tornou-se feriado obrigatório em 2002, ganhando o nome oficial de Dia Nacional da Memoria pela Verdade e pela Justiça. No começo de 2017, o presidente Mauricio Macri tentou uma manobra jurídica para retirar a obrigatoriedade do feriado. Acabou por voltar atrás diante da oposição da população, de artistas e de intelectuais.

O “Clarin” publicou uma série de fotos sobre as manifestações desta sexta-feira. Vale a pena dar uma olhada.

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios

Apoio

INSTAGRAM DA ARTISTA YASSMINE PITOL

Essa aquarela foi finalizada neste final de semana, mas sempre acho interessante lembrar dos momentos em que a tinta estava secando :) #watercolor #aquarela #gaucho #arts #art 💙💙💙 #sunset #nofilter #TBT 💙 Finalizado #arts #art # #watercolor #workinprogress #watercolor #wip #art #arts

Mais recentes

Estatísticas do blog

  • 2,267,809 visitas
%d blogueiros gostam disto: