Anúncios
Esportes, Olimpíadas de Inverno 2018

Olimpíadas de inverno 2018: saiba mais sobre o esqui estilo livre

LI

O esqui estilo livre combina velocidade, técnicas artísticas e habilidade de executar manobras aéreas enquanto esquia.

 

‘Hotdogging’ – Existem registros de pessoas executando cambalhotas em esquis desde o começo do século XX na Noruega, Itália e Áustria. Entretanto, o esqui livre começou a fazer sucesso nos Estados Unidos somente ao partir dos anos 1960, quando mudanças sociais e liberdade de expressão – junto com avanços no equipamento de esqui – levaram ao desenvolvimento de novas técnicas. O esqui livre foi carinhosamente chamado de “hotdogging”, nome que capturou perfeitamente a mistura de tirar o fôlego de truques acrobáticos, saltos, guinadas e a adrenalina do esporte.

Nas Olimpíadas: O esqui livre estreou nos Jogos de Vancouver 2010.

A PISTA

esqui

Fonte: Globo

SAIBA MAIS SOBRE CADA PROVA:

Moguls (M e F):os esquiadores descem no circuito mais íngreme e com vários declives. O objetivo é passar pelo percurso da forma mais rápida possível enquanto são avaliados tecnicamente por juízes especializados na execução de curvas e manobras. Vence quem obtiver a maior pontuação por seus saltos, giros e tempo na rodada final.

Moguls-Web-19-7-15-1-8-1-1024x682

Moguls

Esqui cross (M e F): é uma descida de montanha com curvas e desníveis. Na fase de qualificação, a competição ocorre abaixo de um curso de cerca de 1.000m de comprimento. Então, os 32 melhores tempos são divididos em grupos de quatro para determinar quem avança até a próxima rodada.

esqui-cross-sochi.jpg

Esqui cross

Aéreo (M e F): a competição é baseada em saltos acrobáticos, que são avaliados de acordo com grau de dificuldade, altura, distância, precisão e execução. O espaço do evento conta com dois planos inclinados. A nota de cada salto é dividida em três quesitos: ar, aterrissagem e forma.   O atleta apresenta dois saltos nas eliminatórias e mais dois na final.

esqui-aéreo-29499516

aéreo

Halfpipe (M e F): a disputa é marcada por descidas que são avaliadas por juízes tecnicamente qualificados. Manobras, amplitude, controle, criatividade, estilo e impresão geral são critérios para a pontuação.

halfpipe

Halfpipe

Slopestyle (M e F): a pista conta rampas inclinadas e obstáculos. As manobras dos atletas durante a apresentação são avaliadas pelos juízes com os mesmos critérios da prova de halfpipe.

10525539_559876974175814_1253622745_n

Slopestyle

 

Fonte: Globo e CBDN

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Anúncios

Cartões da coleçao “Espaços do meu olhar”, de Yassmine Uequed Pitol

INSTAGRAM DA ARTISTA YASSMINE PITOL

#tbt desenho de 2014 (pastel oleoso e lápis sobre papel canson) #Runners Desenhando desde ... Esperando secar a tinta #oilpaint #workinprogress Passo a passo #watercolor Verão

Mais recentes

Estatísticas do blog

  • 2,563,744 visitas
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: