Esportes, Tênis

Entenda como funciona o ranking da ATP

Rotineiramente, acompanhamos as alterações no famoso “ranking da ATP”, utilizado para definir quem é o melhor tenista do momento. Contudo, poucos, compreendem como funciona o sistema de pontuação da Associação de Tenistas Profissionais.

Inicialmente, para entender minimamente o funcionamento dos rankings, é preciso ter ciência de que os torneios realizados ao longo do ano são divididos em razão de sua importância. Por níveis, cada tipo concedendo um determinado número de pontos ao vencedor. Vejamos de que maneira.

Por ordem de importância:

  1. Os quatro torneios do Grand Slam (Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open) – 2000 pontos
  2. • ATP Finals – 1500 pontos
  3. • ATP World Tour Masters 1000 – 1000 pontos
  4. • ATP World Tour 500 Series – 500 pontos
  5. ATP World Tour 250 Series – 250 pontos
  6. Torneios Challenger e Future – 125 pontos ou menos

A pontuação é distribuída fase a fase, dentro de cada torneio, da primeira rodada até a grande final. Quanto mais se avança, mais pontos são adquiridos. Vejamos, abaixo, tabela resumida que demonstra como funciona o acúmulo de pontos nos torneios mais relevantes:

TorneioVencedorFinalistaSFQFR16R32R64R128Q
Grand Slam2000120072036018090451025
ATP Finals1500+600
(200 por cada vitória em “round robin”)
Masters 10001000600360180904510 (25)(10)25 (12)
500 Series5003001809045(20)20 (10)
250 Series250150904520(5)12 (5)

Os pontos acumulados por cada tenista são computados em relação às últimas 52 semanas (basicamente, em relação ao último ano), levando-se em consideração os resultados obtidos nos seguintes torneios:

  • 4 Grand Slams
  • 8 torneios de Masters 1000
  • ATP Finals e
  • seis melhores resultados obtidos em torneios das séries ATP 500, ATP 250, ATP Challenger Tour e Future. Deve-se considerar, ainda, que, para cada Grand Slam ou Masters 1000 que o tenista não estiver na chave principal ou na lista de inscrição, o número de resultados considerados é aumentado. Ou seja, se o jogador não estiver em um Grand Slam, serão considerados os sete melhores resultados em torneios das séries ATP 500, ATP 250, ATP Challenger Tour e Future .

Toda segunda-feira os pontos são atualizados, conforme o desempenho do tenista na semana anterior. Se foi campeão de um Masters 1000, receberá 1000 pontos. Concomitantemente, são descontados os pontos que o tenista somou na semana equivalente do ano anterior. 

Simplificando:

19 resultados são computados para definir a colocação da atleta no ranking. Chamemos de 19 “vagas”. Quatro serão forçosamente ocupadas pelos resultados em Grand Slam – caso o atleta participe. Sobram 15 “vagas”. Oito destas serão obrigatoriamente ocupadas por torneios Masters 1000 – caso o atleta participe . Sobram 7 “vagas”. Seis são ocupadas pelos melhores resultados obtidos em torneios das séries ATP 500, ATP 250, ATP Challenger Tour e Future. Lembrando que, caso o atleta não participe de um Grand Slam, por exemplo, mais um resultado será computado das séries ATP 500, ATP 250, ATP Challenger Tour ou Future. E, caso a atleta se classifique para o ATP Finals o seu desempenho será obrigatoriamente considerado.

No ano seguinte, os pontos adquiridos na temporada anterior devem ser defendidos. Ou seja, o resultado obtido em um Grand Slam disputado em 2021, por exemplo, substituirá o resultado obtido pela atleta no mesmo Grand Slam em 2020.

Exemplificando: Rafael Nadal foi vencedor de Roland Garros em 2020, ganhando 2000 pontos. No ano seguinte, ao disputar este mesmo Grand Slam, precisava “defender” estes 2000 pontos. De que forma? Vencendo o torneio. Como foi apenas semifinalista em 2021 – eliminado por Djokovic – adquiriu 1200 pontos, os quais “substituem” os 2000 adquiridos no ano anterior, ou seja: perdeu 800 pontos em relação ao que havia conquistado no ano anterior.

.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Estatísticas do blog

  • 4.795.375 visitas
%d blogueiros gostam disto: